• Português
  • English
  • Español
  • info@laclima.org

    Minimanual decifra conferências do clima e Acordo de Paris

    30 de setembro de 2021 / Geral

    Publicação do OC e da LACLIMA mergulha na linguagem cifrada das COPs e explica a estrutura do acordo, que será discutido daqui a um mês na Escócia.

    São Paulo/Brasília, 30 de setembro de 2021 – Confusa com o bafafá em torno da COP26, a conferência do clima de Glasgow? Perdida na sopa de letrinhas da negociação internacional e sua mania horrível de siglas? Não sabe como funciona o tal Acordo de Paris e qual é sua importância real para a humanidade? Seus problemas acabaram! O Observatório do Clima e a LACLIMA (Latin American Climate Lawyers Initiative for Mobilizing Action) publicaram nesta quinta-feira (30/9) um minimanual que destrincha para leigos o universo fascinante (e frequentemente exasperante) da diplomacia climática.

    Baixe aqui a publicação.

    “Acordo de Paris – Um Guia para os Perplexos” é lançado a um mês do início da conferência de Glasgow, marcado para 31 de outubro. Ele faz um passeio pela história da Convenção do Clima da ONU, resume os avanços e as barreiras de três décadas de negociações e explica, artigo a artigo, o acordo do clima fechado em 2015 nos arredores da capital francesa, cujos últimos detalhes deverão ser finalizados na COP26.

    Também detalha, ao longo de 41 páginas, quais são os grupos geográficos e geopolíticos envolvidos na negociação, os interesses em jogo e as principais siglas usadas pelos negociadores na novilíngua da convenção — a como NDC, ITMO, OMGE, LULUCF e SBSTA. Numa seção especial para jornalistas, o guia fala sobre a dinâmica das COPs e o ciclo básico de cobertura da maratona de 14 dias (ou 15, ou 16, dependendo da quantidade de polêmicas da negociação).

    A publicação também marca a estreia do site da LACLIMA (www.laclima.org), a primeira rede de advogados dedicada à discussão da agenda climática no Brasil.

    “O universo das negociações climáticas da ONU é muito distante da realidade da sociedade civil aqui no Brasil. Queremos disseminar esse conhecimento de um modo que todo mundo entenda o que está acontecendo nesses acordos, por que eles são importantes e de maneira que os cidadãos possam agir para se engajar”, diz a advogada Caroline Prolo, cofundadora da LACLIMA juntamente com Flávia Bellaguarda e uma das autoras do minimanual.

    “À medida que as políticas de clima vão assumindo um lugar cada vez mais central no debate público no mundo, é essencial que toda a sociedade possa entender o Acordo de Paris e os vários interesses em torno de sua implementação — e principalmente os que a atrapalham. Hoje essa discussão ainda é protegida dos olhos da sociedade por um código próprio da negociação, monopolizado por um grupo muito pequeno de pessoas. Isso precisa acabar”, afirma Claudio Angelo, coordenador de Comunicação do OC e também coautor do livreto.

    Tópicos

    © LACLIMA LATIN AMERICAN CLIMATE LAWYERS INITIATIVE FOR MOBILIZING ACTION

    Desenvolvido com 💚 pela outlab.